Dra Vanessa Penteado da Clinica Pantheon explica tudo sobre EXILIS

O Exilis Elite é um aparelho capaz de alcançar resultados rápidos e cientificamente comprovados. A radiofrequência monopolar focada e profunda e o sistema Cooling (sistema de resfriamento) tratam a gordura localizada e a flacidez de forma não invasiva, sem “dowtime” e sem desconforto. O diferencial desse aparelho é que ele tem maior comprimento de onda capaz de atingir camadas mais profundas da pele, possibilitando controlar a profundidade do foco, através de ajustes no resfriamento. Quanto mais resfriada a região (portanto mais protegida para não queimar) ,mais ondas serão direcionadas para a o que favorece o tratamento de pessoas com pouca, média ou muita gordura. Pode ser aplicado em qualquer área (pequenas ou grandes do corpo).

A novidade combate tanto a flacidez corporal quanto a  facial. No tratamento facial é capaz de melhorar o contorno do rosto, diminuir a papada que resulta no popular ‘pescoço de peru” e levantar o olhar triste, gerado pela flacidez nas pálpebras.

 Tanto no rosto, quanto no corpo, os resultados podem ser observados a partir da segunda sessão. Fazemos um total de quatro sessões com intervalo semanal. Manutenção de uma sessão a cada três meses.

É a tecnologia mais moderna que associa tratamento para gordura e flacidez corporal.

Mitos e verdades sobre a saúde dos cabelos

Manter os cabelos bonitos e saudáveis é o desejo de todas as mulheres. Mas, com tantas informações que lemos por aí, fica difícil saber o que é mito e o que é verdade sobre o cuidado com os fios.  A Dra. Vanessa Penteado, pós-graduada em dermatologia e medicina estética e proprietária da Clínica Pantheon –com unidades em Campinas e em Jaguariúna – esclarece algumas das principais dúvidas. Confira:

A tintura pode provocar a queda dos fios?

Mito. A maioria dos tonalizantes contém substâncias químicas como o amoníaco, que pode causar danos sérios à estrutura capilar. No entanto, tais produtos agem nos fios, não na raiz. Por isso, não interferem na queda, mas podem provocar a quebra dos fios. Afinal, todo procedimento químico pode deixá-los mais fracos e ressecados. A perda de cabelo ocorre somente em casos extremos.

Usar secador e chapinha aumenta a queda?

Mito. A queda de cabelo está relacionada aos problemas no couro cabeludo e não nos fios. O uso contínuo de secador e chapinha pode provocar a quebra do fio, devido à alta temperatura que danifica as proteínas capilares, tornando-o mais frágil e quebradiço. Como estes aparelhos aquecem os cabelos, se não forem utilizados corretamente e/ou não for aplicado um protetor térmico, podem sim danificar a haste do fio. Porém, o uso correto e moderado não prejudica. O ideal é utilizar o secador com baixa temperatura e não aproximá-lo demais da cabeça para não danificar o couro cabeludo.

A alimentação e o estado emocional influenciam na saúde capilar?

Verdade. Quase toda composição capilar é feita de aminoácido. Portanto, uma dieta equilibrada rica em proteínas pode melhorar a qualidade dos fios e deixá-los mais forte. A má alimentação causa a perda de cabelo em diferentes graus. Já o estresse causa alterações hormonais no organismo, favorecendo a queda capilar e impedindo o crescimento do cabelo.

O cabelo cai mais no inverno e no verão cresce mais?

Verdade. A pele tem sensores que percebem a reação de maior e menor luminosidade dos ambientes. Essa mudança diminui o estímulo da divisão celular, o que gera um número menor de fios e ainda enfraquece a raiz. Resultado: além dos fios caírem mais rápido, eles também nascem mais devagar no inverno. O sol, por sua vez, estimula a atividade de hormônios, como a prolactina e a melatonina, que aceleram a atividade do bulbo capilar e consequentemente o crescimento dos fios nos meses mais quentes.

Lavar os cabelos diariamente provoca a queda?

Mito. Lavar os fios todos os dias apenas remove aqueles que já caíram. A queda, na verdade, está muito mais relacionada às questões internas (que ocorrem no bulbo capilar) do que aos fatores externos.

Água quente prejudica a beleza dos fios?
Verdade. A água quente pode deixar os cabelos ressecados, ainda mais se são lavados diariamente. A alta temperatura da água estimula o aumento da oleosidade e favorece a queda. Quem apresenta dermatite e seborreia deve evitar água quente no banho, pois devido ao aumento da oleosidade, é normal ocorrer piora da doença e mais queda dos fios. No inverno, procure lavar os fios com água morna.

 

A limpeza diária do couro cabeludo diminui a caspa?

Verdade. Uma boa higienização do couro cabeludo com xampu adequado remove as escamas, a oleosidade e diminui a ação dos fungos e bactérias. Por consequência, apresenta melhora da seborreia e a redução da caspa. Quando os cabelos estão sujos, os poros ficam obstruídos e comprometem o seu crescimento.

Cabelos mais oleosos e com caspa tendem a cair mais?

Verdade. A oleosidade impede o crescimento saudável e causa queda. O aumento da oleosidade pode gerar caspa e descamação no couro cabeludo, e tais problemas podem ser fatores que levam à queda de cabelo.

Arrancar um fio de cabelo branco faz nascer até sete no lugar?

Mito. De acordo com a médica, os fios brancos significam a desaceleração do crescimento capilar, podendo estar ou não relacionado às alterações vitamínicas e da vitalidade capilar. Quando os fios de cabelo começam a ficar brancos, o processo ocorre gradativamente e outros fios vão ficar brancos também. O mito vem daí, pois depois que a pessoa arranca o primeiro fio branco já começa a surgir outros, que iriam aparecer de qualquer forma e não porque um foi arrancado.

É proibido usar coloração nos fios para gestantes?

Mito. A tintura não oferece riscos à saúde do bebê por não apresentar níveis significativos de substâncias químicas que provoquem a má formação da criança. O         que é possível acontecer são os componentes da coloração desencadearem alguma alergia na gestante – já que está com o corpo e organismo em mudança constante – e os remédios utilizados para combater o problema serem prejudiciais ao nenê.

Sobre a Clínica Pantheon
A Clínica Pantheon atende em Campinas e Jaguariúna e investe em alta tecnologia para tratar manchas, olheiras, acne, oleosidade, rugas, desidratação, pré e pós-cirurgia, linhas de expressão e flacidez.
Já para o corpo, existem procedimento e tratamentos adequados para celulite, depilação a laser, emagrecimento, endermologia, flacidez corporal, gestação, gordura localizada, infravermelho, radiofreqüência, redução de medidas e vasinhos.

Dra. Vanessa Penteado (CRM 95309)

PantheonJaguariúna
Rua Ceará, 39, bairro Dom Bosco
Telefone: (19) 3867-4885

Pantheon Campinas
Endereço: Avenida Jesuíno Marcondes Machado, 590, bairro Nova Campinas
Telefone: (19) 3203-4885
Informações: https://esteticapantheon.com.br

Fonte:

Ácido hialurônico: nova aposta de preenchimento facial

Frequentemente solicitado nos consultórios médicos, o preenchimento facial é um dos grandes aliados para a conquista de uma aparência jovial. Com o intuito de satisfazer ainda mais seus clientes, as clínicas de estética apostam, cada dia mais, no ácido hialurônico, ativo da vez contra os sinais de envelhecimento.

De acordo com a Dra. Vanessa Penteado, pós-graduada em dermatologia e medicina estética e proprietária da Clínica Pantheon – com unidades em Campinas e em Jaguariúna – o tratamento é ideal para combater sulcos e rugas, melhora o contorno facial e revigora a pele, diferenciando-se dos outros recursos pela rapidez de sua ação.

“Os resultados aparecem imediatamente após a aplicação, mas pode ocorrer um pouco de inchaço ou vermelhidão no local. O resultado final aparece em três ou quatro dias, após o produto se acomodar na região aplicada, resultando em uma pele lisa, tonificada e encorpada”, explica a Dra. Vanessa. O preenchimento também pode ser utilizado para a correção de olheiras e aumento do volume facial.

Com um custo menor que o de cirurgias, o tratamento não é permanente, no entanto, pode ser repetido. “A durabilidade do preenchimento varia de pessoa para pessoa e também conforme a técnica e o local aplicado, podendo durar de nove a 18 meses, quando utilizado o ácido hialurônico”, finaliza.

Perguntas frequentes

Dra. Vanessa Penteado responde questões e esclarece dúvidas sobre o tratamento:

Como é feito o preenchimento?

A aplicação é feita no consultório por meio de agulhas bem finas ou cânulas, que levam a substância até a área a ser preenchida. Pode haver anestesia local ou anestésico tópico.

O procedimento é doloroso?

A sensibilidade varia de acordo com cada pessoa, mas normalmente não é doloroso. Um anestésico tópico é utilizado para diminuir a sensibilidade à pintura da agulha.

Qualquer pessoa pode se submeter a esse preenchimento?

A princípio sim, desde que o processo seja realizado por um médico especializado e seja o mais indicado para a queixa do paciente.

Há contraindicações ou efeitos colaterais?

A maioria dos casos não possui contraindicações. O melhor é consultar seu dermatologista para saber mais sobre sua queixa e o procedimento específico que irá realizar.

Como deve ser a rotina dos pacientes nos primeiros dias após a realização do preenchimento facial com ácido hialurônico?

A maioria das pessoas pode retornar às suas atividades normais, inclusive trabalhar logo após o procedimento. Não existe downtime. No entanto, é indicado evitar exercícios e atividades vigorosas no dia da aplicação, evitar o sol e, caso haja hematoma, usar filtro solar, pelo menos, duas vezes ao dia.

Serviço

Dra. Vanessa Penteado     (CRM 95309)

Pantheon Jaguariúna

Rua Ceará, 39, bairro Dom Bosco

Telefone: (19) 3867-4885

Pantheon Campinas

Endereço: Avenida Jesuíno Marcondes Machado, 590, bairro Nova Campinas

Telefone: (19) 3203-4885

Informações: https://esteticapantheon.com.br

Fonte: https://www.residenciais.org